1. Skip to Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer

MotoGP em Valência: Lorenzo vence na coroação de Marquez

O #99 disse adeus à Yamaha com uma impressionante vitória no Circuito Ricardo Tormo, dominando a última corrida da temporada de fio-a-pavio. Para Marc Marquez a questão do título estava já decidida a seu favor, repetindo o feito alcançado na passada temporada.



No seu 250º Grande Prémio, o piloto da Movistar Yamaha MotoGP, Jorge Lorenzo, disse adeus ao título com uma fantástica vitória, terminando a corrida com o novo Campeão Mundial - Marc Marquez (Repsol Honda Team) no seu encalço. Interessante de seguir foi a luta pelo derradeiro lugar no pódio, na qual Andrea Iannone (Ducati Team) levaria a melhor.

Lorenzo saltou da ‘pole’ para a liderança, levando atrás de si Ianonne, Maverick Viñales (Team Suzuki Ecstar), Valentino Rossi (Movistar Yamaha MotoGP), Marquez e Andrea Dovizioso (Ducati Team). Depois de ultrapassar Viñales, Rossi e Iannone lutaram à frente do segundo grupo quando o #99 começou a desaparecer à distância, com Marquez e Viñales em estreita companhia.

Entretanto Rossi chegava ao comando do grupo perseguidor ao trio da dianteira, mas Ianonne viria a superá-lo, partindo então em busca de Viñales. Com os Italianos em luta o Espanhol foi presa fácil, acabando a corrida na quinta posição nesta sua última prova aos comandos de uma Suzuki.

Dovizioso também acabou por descer na geral, ficando em luta com o grupo composto pelos irmãos Aleix Espargaro (Team Suzuki Ecstar) e Pol (Monster Yamaha Tech 3). Pol viria a ser sexto, seguido de Dovizioso e de Aleix. Bradley Smith (Monster Yamaha Tech 3) voltou a estar impressionante, concluindo a corrida na nona posição, enquanto o Top10 era completado por Alvaro Bautista (Aprilia Racing Team Gresini).

No Mundial de MotoGP a vitória foi de Marc Marquez, seguido de Valentino Rossi e de Jorge Lorenzo. O Sul-Africano - Brad Binder (KTM) sagrou-se Campeão Mundial de Moto3, enquanto na Moto2 o novo Campeão Mundial é o Francês – Johan Zarco (Kalex).

Terminada a temporada, de imediato se iniciaram os testes de preparação da nova época, já com Jorge Lorenzo aos comandos da Ducati, equipa com a qual espera lutar pela revalidação do título em 2017.


MIGUEL OLIVEIRA

O único piloto Português em competição na MotoGP, teve uma temporada de estreia algo complicada, concluindo o ano á porta do Top20.

Em Valência e na despedida do campeonato Oliveira voltou a ter um início de prova algo complicada, mas foi recuperando ao longo das 27 voltas de corrida para terminar na 13ª posição da geral.

Após o final da corrida declarava... "Foi uma corrida muito longa e creio que depois de ter estado tanto tempo parado e a recuperar de uma lesão, como estive, torna-se complicado conseguir regressar com um ritmo de corrida elevado. Nas primeiras voltas foi um pouco complicado porque me faltava alguma confiança na roda dianteira e quando o desgaste dos pneus aumentou foi difícil ter tracção na saída das curvas, obrigando-me a fazer todas as ultrapassagens em momentos de travagem, causando um maior desgaste do pneu dianteiro. No final não consegui estar perto do Vierge para tentar a ultrapassagem e a primeira posição nos 'rookie' mas depois de tantas corridas sem pontuar fiquei a apenas 1 ponto desse prémio. As corridas são mesmo assim!"

Terminado este primeiro ano é tempo também de se despedir da equipa ‘Leopard Racing’, para abraçar um novo projecto com a KTM, equipa com a qual efectuou já os primeiros testes de preparação para a temporada de 2017, na qual terá como companheiro de equipa nada menos que o recém-coroado Campeão Mundial de Moto3.

Jerez de La Frontera e o Ricardo Tormo foram as bases escolhidas para as primeiras sessões de teste à nova temporada de Moto2, com Miguel Oliveira a mostrar-se bastante satisfeito com os resultados alcançados.

Miguel Oliveira e a KTM irão regressar ás pistas novamente em Fevereiro de 2017 e no nosso website de informação ao desporto motorizado – www.altasrotacoes.com – continuaremos a seguir o desenvolvimento da sua fase de preparação ao Mundial de MotoGP.


Também no Facebook

Últimas