1. Skip to Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer

Grupo de Cordas Ilha Negra estreou no Faial

O Grupo de Cordas Ilha Negra, um projeto desenvolvido na Casa da Música da Candelária na ilha do Pico, apresentou-se pela primeira vez fora da ilha, atravessando o canal para a estreia na ilha do Faial. O Museu da Horta acolheu a apresentação numa sala lotada de público na Casa Manuel de Arriaga. Este espaço é uma das mais recentes obras museológicas lideradas pela Direção Regional da Cultura.



"Estou contente de estrear o nosso grupo na ilha vizinha, especialmente sendo num local tão digno como a Casa Manuel de Arriaga," diz Laurindo Cardoso, que além de ser o impulsionador do grupo é músico e compositor. "Espero que momentos como este se repitam.'

"A MiratecArts tem interesse em apresentar este tipo de evento e o tornar num ponto de referência na agenda anual," adiciona Terry Costa, diretor artístico e apresentador do evento." Este ano conseguimos vir do Pico ao Faial, e temos a intenção de também ter um grupo do Faial ir ao Pico e assim marcarmos a quadra festiva com tradição e o trabalho original dos músicos da nossa comunidade do canal."

Casa da Música da Candelária é abraçada pela MiratecArts, apresentadora deste programa, e com planos para levar o grupo até à ilha de São Jorge em 2017. Localizado na freguesia da Candelária, Pico, o espaço da Casa da Música da Candelária abre as portas a quem quer aprender e a quem quer partilhar os seus conhecimentos musicais, em especial instrumentos de corda. Grupo de Cordas Ilha Negra, Fado Ilhéu, Grupo de Violas e o Grupo de Chamarrita são alguns dos projetos aqui iniciados que já tem tido saída para outros públicos. 

Também no Facebook

Últimas