Estreias nas salas de Cinema (semana de 17 a 23 de janeiro de 2013)

  • Imprimir

00:30 HORA NEGRA

(Zero Dark Thirty)

Os ataques terroristas que aconteceram nos Estados Unidos a 11 de setembro de 2001 deram início a uma época de medo nunca antes vista. De imediato foram reunidos esforços para capturar Osama Bin Laden, o líder da organização terrorista responsável pelos ataques – a Al Qaeda.

Maya, é uma jovem agente da CIA, cuja responsabilidade é localizar e identificar terroristas. Durante anos a sua inteligência e teimosia permitiu identificar pistas que levaram a localizar o homem mais procurado do mundo, em Abbottabad no Paquistão. A 1 de maio de 2011, a Team Six dos SEAL’s da Marinha Norte Americana invadiu a instalação suspeita no Paquistão e encontrou Osama Bin Lade, o líder da Al-Qaeda.

 

“00:30 Hora Negra” é a história, baseada em factos verídicos e inéditos, sobre a jornada que levou a localizar e capturar Osama Bin Laden. Mark Boal, o premiado argumentista de “Estado de Guerra”, já estava a escrever o argumento do filme mesmo antes da captura de Bin Laden, uma vez que o argumentista tinha acesso a informações das atividades da equipa de oficiais do Departamento de Defesa designada para executar o líder da Al-Qaeda. Com a notícia da morte do terrorista, o argumentista finalizou o argumento.

Um filme de Kathryn Bigelow, a premiada realizadora de “Estado de Guerra”. “00:30 Hora Negra” conta com as interpretações de Jessica Chastain (A Árvore da Vida), Joel Edgerton (Warrior – Combate Entre Irmãos), Jason Clark (Dos Homens Sem Lei), Mark Strong (A Toupeira), Scott Adkins (Os Mercenários 2) e James Gandolfini (Os Sopranos).

“00:30 Hora Negra” é um dos filmes mais falados na atual temporada de prémios. Destaque para as 5 nomeações aos Óscares (Melhor Filme, Melhor Atriz, Melhor Argumento Original, Melhor Montagem, e Melhor Edição de Som), e as 4 nomeações para os Globos de Ouro (Melhor Filme Drama, Melhor Realizador, Melhor Argumento Original e Melhor Atriz em filme dramático). “00:30 Hora Negra” integra a lista dos 10 melhores filmes do ano para o American Film Institute.

A maior caça ao homem chega esta semana aos cinemas!

 

SEIS SESSÕES

(The Sessions)

Esta é a história de Mark O'Brien, um escritor e poeta que, ainda em criança, contraiu poliomielite. Devido à doença, Mark perdeu os movimentos do corpo, com exceção da cabeça, e tornou-se dependente para o resto da vida. Mark passa boa parte dos dias dentro de um aparelho apelidado de “pulmão de aço”, e frequenta a igreja, onde conversa com o Padre Brendan, seu amigo e confidente.

Sentindo-se incompleto por desconhecer o sexo, Mark assume que tem o direito de experimentar o prazer sexual, como qualquer outro ser humano. Com a ajuda da sua fisioterapeuta e do seu amigo Padre, Mark acaba por recorrer a Cheryl Cohen Greene, uma terapeuta sexual especialista em exercícios de consciência corporal que o inicia num programa de seis sessões. E assim começa uma relação de cumplicidade e de descoberta.

Parcialmente inspirado nas memórias reais do californiano Mark O’Brien, “Seis Sessões” é um comovente e divertido filme escrito e realizado por Ben Lewin. O filme conta com as extraordinárias interpretações de John Hawkes (Despojos de Inverno), William H. Macy (Fargo), e de Helen Hunt (O Que as Mulheres Querem). Ao interpretar a terapeuta sexual Cheryl Cohen Greene, a atriz Helen Hunt foi nomeada ao Óscar para Melhor Atriz Secundária. O filme foi, também, nomeado a 2 Globos de Ouro nas categorias de Melhor Ator em filme dramático e de Melhor Atriz Secundária.

 

 

Para ver Cinema, vá ao Cinema!!!